segunda-feira, 24 de julho de 2017

Prefeito de Itamaraju acusado de contratar empresa fantasma


O Grupo Fiscaliza Itamaraju, que ultimamente vem denunciando supostas irregularidades na administração municipal, formalizou denúncia no Ministério Público (MP), contra o prefeito Marcelo Angênica (PSDB), sobre um suposto esquema de favorecimento com a utilização de veículos locados, bem como a confirmação de que o endereço da empresa contratada E.B a Cruz Neto-ME., nome de fantasia Lamp Locação e Aluguel de Máquinas Pesadas, um pequeno imóvel na cidade de Caravelas, funcionaria, na verdade, a sede para ensaio de uma banda musical. A empresa está inscrita no Cadastro de Pessoa Jurídica (CNPJ), 10.653.663/0001-69, com sede à Rua Anibal Benévolo, nº 159, em Caravelas. A “casinha” de duas portas, que jamais lembra ser sede de uma empresa que trabalha com locação de máquinas pesadas, teria sido alugada por um contador, que não teve o nome revelado. Na parede da frente tem um papel colado com o nome da empresa e ao contrário de um telefone fixo, existe o contato de um celular, que nos últimos dias vem dando como desligado. O valor do contrato foi de R$ 498.900,00, sendo que os veículos e máquinas locados deveriam atender secretarias diversas, incluindo a de Desenvolvimento Social, que a primeira dama Fabiana Angênica é titular. Na denúncia formalizada ao MP foram apresentados um CD e um DVD, com uma lista com as pessoas que seriam os verdadeiros donos dos veículos locados. A relação, que ainda não foi divulgada pelo MP, envolveria pessoas importantes do município. A Prefeitura de Itamaraju não possui assessoria de imprensa para prestar esclarecimentos acerca do caso e até a manhã desta segunda-feira (23), o prefeito Marcelo Angênica (PSDB), não comentou a denúncia. (Teixeira News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário