sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Itamaraty confirma reunião para discutir suspensão da Venezuela


A cúpula decretou o afastamento do país por constatar "a ruptura da ordem democrática" em abril

BAHIA.BA
Foto: Wikimedia Commons
Foto: Wikimedia Commons

O Itamaraty confirmou nesta sexta-feira (4) uma reunião entre chanceleres do Mercosul para discutir a suspensão da Venezuela do bloco, que ocorrerá no sábado (5) em São Paulo.
O afastamento do país se baseou no Protocolo de Ushuaia, que estabelece os compromissos dos países-membros com os princípios democráticos. Essa é a terceira reunião da cúpula sobre o assunto desde a concretização da decisão no dia 1º de abril, e a aprovação da Assembleia Constituinte Venezuelana neste domingo (30), que incitou novos debates.
“Os chanceleres de Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai deverão avaliar a ausência de medidas concretas para a retomada da normalidade democrática por parte do governo venezuelano, sua recusa a participar da reunião de consultas e o agravamento da situação na Venezuela”, diz a nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário