domingo, 9 de julho de 2017

Michel Temer diz a aliados que irá 'até o fim'



Por Redação BNews | Fotos: Evaristo Sá/AFP
Com a situação política se deteriorando, ameaças de debandada da base e até movimentações de aliados indicando apoio a Rodrigo Maia (DEM) em eventual substituição no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer disse a interlocutores que vai até o fim. Fez isso na quarta-feira passada, em reunião ministerial convocada de última hora, e reiterou na quinta, antes de embarcar para o G20.
 
De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, para manter o discurso, Temer tem se apoiado na agenda econômica e, principalmente, vai trabalhar uma pauta positiva no Senado nesta semana, que inclui a votação da reforma trabalhista. 
 
A semana será decisiva, já que ele tentará buscar meios de se salvar na CCJ. Ele pretender telefonar para os deputados, até mesmo os que já sinalizaram votar a favor da admissibilidade da denúncia. O Planalto assegura que tem votos suficientes para barrar a ação de Janot.

Nenhum comentário:

Postar um comentário