quarta-feira, 17 de maio de 2017

'Nenhum presidente foi tratado tão injustamente quanto eu', diz Trump



Por Folhapress
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quarta-feira (17) que "nenhum político na história" foi tratado de maneira tão má e injusta quanto ele. 
 
"Você não pode deixar que seus críticos impeçam seus sonhos. Talvez por isso nós tenhamos vencido [a eleição]", declarou Trump em uma cerimônia de formatura da Academia da Guarda Costeira, no Estado americano de Connecticut. 
O republicano também afirmou que, apesar das críticas ecoadas pelos meios de comunicação a seu governo, ele "conquistou muito em pouquíssimo tempo" e que "o importante é que o povo entende o que estou fazendo". 
 
"Eu não fui eleito para servir à mídia de Washington, mas ao povo", disse. 
 
Em seu discurso, Trump evitou tratar das polêmicas mais recentes de sua administração. Nos últimos dias, a imprensa acusou o republicano de ter pedido ao FBI (polícia federal americana) para encerrar investigação contra um assessor e de ter compartilhado com autoridades da Rússia informações altamente confidenciais. 
 
VIAGEM AO EXTERIOR 
 
Trump também falou sobre a viagem internacional que fará na semana que vem, a primeira desde que chegou ao poder, em janeiro. Ele visitará a Arábia Saudita, Israel, o Vaticano e participará de cúpulas internacionais na Itália e na Bélgica. 
 
O republicano afirmou que buscará "novas parceiros" internacionais benéficos para os Estados Unidos, "não aqueles parceiros que apenas tiram, tiram e tiram de nós". 
 
Sobre a ida à Arábia Saudita, o presidente afirmou que trabalhará com líderes muçulmanos para promover o "fim do ódio" e para convencê-los a "escolher um futuro pacífico para a sua religião".

Nenhum comentário:

Postar um comentário