quarta-feira, 17 de maio de 2017

Maia encerra sessão da Câmara após notícia sobre áudio de Temer


Segundo o G1, ao sair do plenário da Câmara, Rodrigo Maia foi questionado sobre os motivos de ter encerrado a sessão e disse que não havia mais "clima para trabalhar".

BAHIA.BA
(Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
(Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encerou a sessão desta quarta-feira (17) minutos após o jornal O Globo publicara informação de que o dono da JBS, Joesley Batista, gravou conversa com o presidente Michel Temer onde a compra do silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) foi pauta.
Maia encerrou a sessão no momento em que o plenário discutia uma medida provisória que trata do repasse de recursos do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) a estados e municípios.
Segundo o G1, ao sair do plenário da Câmara, Rodrigo Maia foi questionado sobre os motivos de ter encerrado a sessão e disse que não havia mais “clima para trabalhar”.
Senado – o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), também encerrou a sessão alguns minutos após a notícia ter sido veiculada, mas esperou a conclusão da análise de um projeto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário