terça-feira, 4 de maio de 2021

Salvador está fora do decreto estadual e mantém volta às aulas

 


Essa regra, no entanto, é válida apenas para 19 municípios citados em anexo divulgado pelo decreto e Salvador não faz parte dessa lista

Tribuna da Bahia, Salvador
04/05/2021 14:45 | Atualizado há 6 horas e 21 minutos

   
Foto: Reprodução

O retorno das aulas semipresenciais em Salvador segue garantido . O decreto estadual nº 20.400, em seu artigo 4, estabelece que a volta às atividades letivas pode ocorrer de maneira semipresencial em Regiões de Saúde cuja taxa de ocupação de leitos de UTI de Covid-19 se mantenha igual ou inferior a 75% por cinco dias consecutivos. Essa regra, no entanto, é válida apenas para 19 municípios citados em anexo divulgado pelo decreto e Salvador não faz parte dessa lista.

Neste cenário, a retomada da Educação em Salvador ocorre após mais de um ano de atividades presenciais suspensas e está condicionada a uma série de protocolos sanitários, validados junto a entidades como Ministério Público da Bahia (MP-BA), Defensoria (DPE) e Tribunal de Justiça (TJ-BA). Entre as medidas adotadas escolas municipais, por exemplo, está a ocupação máxima de 50% da capacidade de cada sala de aula, marcação de distanciamento no chão e nas carteiras das salas, obrigatoriedade de uso de máscara por toda comunidade escolar, entre outras regras que podem ser acessadas no link https://bityli.com/sJ4f9.

A volta às aulas é fruto dos esforços e investimentos municipais para ampliação de leitos para tratamento de pacientes com coronavírus, além das medidas preventivas tomadas desde a chegada da segunda onda da pandemia, e do ritmo acelerado de vacinação – a capital baiana vem disputando liderança entre as cidades que mais vacinam no país.

Tudo isso vem fazendo com que o município siga mantendo os números epidemiológicos sob controle, fator que foi essencial para que a Prefeitura determinasse o retorno às aulas, de forma semipresencial.  

A média de ocupação de leitos de UTI para pacientes com Covid-19, aliás, tem ficado abaixo de 75%. Ontem (3), o índice foi de 76%; enquanto domingo (2) foi de 74%; sábado (1º), 72%; sexta (30), 73%; quinta (29), 75%, quarta (28) 73% e terça passada (27) foi de 76%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário