quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Governo Temer vai congelar reajuste dos servidores, diz colunista


Palácio do Planalto estima que, com a medida, pode haver uma economia de R$ 11 bilhões no ano

BAHIA.BA
Brasília - DF, 15/06/2016. Presidente em Exercício Michel Temer durante reunião com líderes da base aliada da Câmara e do Senado. Foto: Beto Barata/PR
Brasília – DF, 15/06/2016. Presidente em Exercício Michel Temer durante reunião com líderes da base aliada da Câmara e do Senado. Foto: Beto Barata/PR

O governo do presidente Michel Temer (PMDB) resolveu congelar o reajuste dos servidores, segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.
De acordo com a publicação, previsto para janeiro, o aumento só será dado em janeiro de 2019, se Temer não voltar atrás no que foi definido na reunião desta quarta-feira (9).
Entre as categorias afetadas, estão auditores da Receita Federal e do Trabalho, peritos médico-previdenciários, diplomatas, oficial de chancelaria, entre outras. A economia prevista é de R$ 11 bilhões no ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário