terça-feira, 11 de julho de 2017

Portadores de Parkinson enfrentam falta de medicamento em Salvador



Por Redação BNews | Fotos: Ilustrativa
 
Pacientes que sofrem de Parkinson, em Salvador, estão sem tomar um remédio considerado essencial no tratamento da doença. Nesta manhã, ao BNews, uma leitora do site denunciou a situação. 
 
Segundo ela, o marido, portador da doença está há alguns meses sem tomar o medicamento, Amantadina 100 mg. “Estamos procurando esse remédio há dois meses. Quando a gente liga para a central, eles nem atendem mais. Já batem o telefone”, relata.
 
O medicamente age diretamente no sistema nervoso central. O Amantadina é usado para tratar a doença de Parkinson e também para tratar a rigidez e os tremores causados por medicamentos usados para doenças nervosas, mentais e emocionais.
 
A reportagem entrou em contato com a assessoria da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), que deve informar um posicionamento sobre o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário