quinta-feira, 6 de julho de 2017

Justiça do DF mantém prisão de Geddel Vieira Lima


Ex-ministro está preso desde a última segunda-feira (3), quando a PF cumpriu mandado em sua casa, em Salvador

BAHIA.BA
Foto: Dida Sampaio/ Estadão Conteúdo
Foto: Dida Sampaio/ Estadão Conteúdo

O juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, titular da 10ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal, manteve nesta quinta-feira (6) a prisão preventiva do ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso na última segunda (3), em Salvador.
Um dos aliados mais próximos do presidente Michel Temer e responsável pela articulação política do Palácio do Planalto até o fim do ano passado, o peemedebista foi detido por suspeita de atrapalhar investigações da Operação Cui Bono, que apura supostas fraudes na liberação de crédito da Caixa Econômica Federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário