sexta-feira, 14 de julho de 2017

Esquerdistas ou Esquerdados?

STEPHEN KANITZ

UM VERDADEIRO ESQUERDISTA PRODUZ, BENS E PRODUTOS BONS E BARATOS.


Tempo de leitura: 2 minutos

A esquerda brasileira se dividiu em duas facções.
Esquerdistas de um lado e Esquerdados do outro.
Antes de discutir com um Esquerdista certifique-se se ele na realidade é um Esquerdado.
“Você não é Esquerdista, você é um Esquerdado e nem sabia”.
“Um autêntico Esquerdista quer que tudo seja produzido pelo Estado, sem livre mercado, sem competição predatória das empresas o que somente gera desperdício.”
“Um autêntico Esquerdista quer o monopólio, como a Petrobras, Correios, e cobrar por tudo, e bem caro.”
“Um Esquerdado não quer que o Estado produza produtos bons e baratos. Ele quer que tudo seja Dado, gratuitamente do 1 aos 99 anos.”
João Stedile não é de Esquerda.
Ele não quer uma TerraBras, onde as terras seriam de propriedade do Estado.
João Stedile é um Esquerdado.
Ele quer que as terras sejam dadas de graça para o setor privado, os sem Terras.
Eduardo Suplicy não é de Esquerda.
Ele não quer que o Estado empregue as pessoas desempregadas, os treinem, e lhes mostrem o caminho.
Eduardo Suplicy é um Esquerdado.
Ele quer dar uma Renda Mínima para todos, de graça.
Luciano Coutinho não é de Esquerda.
Ele é um Esquerdado.
Ele quer dar, e deu Juros Subsidiados para o setor privado amigos do Rei.
Cristovam Buarque e Aloizio Mercadante não são de Esquerda.
Eles são Esquerdados.
Eles querem ensino universitário grátis para jovens com Q.I. acima de 120, justamente aqueles que poderiam muito bem trabalhar para pagar os seus estudos.
Como garçonetes, Uber, McDonalds, como babysitters no setor privado.
Notem que muitos desses Esquerdados são economistas famosos que nunca aprenderam como produzir, fazer propaganda, cobrar pelos produtos que eles ofereciam antes de ir para a administração do Estado.
Eles têm medo de cobrar, medo que suas péssimas aulas e livros jamais sejam comprados.
Eles sabem que a única saída para escoar produtos de péssima qualidade é dá-los de graça.
Um verdadeiro Esquerdista, como eu, acredita em produzir bens e produtos bons e baratos.
Um verdadeiro Esquerdista acredita, como eu, que o que sempre faltou foi produzir bens e produtos para Classe C e D, em vez de carros e universidades para a Classe A e B.
Venho defendendo isso há mais de 20 anos, e posso garantir que nenhum desses “esquerdistas” acima jamais me procurou para unir forças. Veja os zero comentários de um dos artigos conclamando a nata da esquerda brasileira a unir forças em Distribuir a Produção.
Porque eles não são de Esquerda, nunca foram.
Se você quer produzir produtos bons e baratos para os pobres, junte-se à verdadeira Esquerda Verde e Amarela.
Aquela que acredita em entregar o comando desse país aos que estudaram Administração Responsável da Nações.
Por um país verde e amarelo, eficiente e bem administrado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário