quinta-feira, 20 de julho de 2017

Chás para insônia: 4 opções potentes para espantar ansiedade e inquietação


Por: Menina de argola
20/07/2017 - 06:00

Seja de camomila, maracujá ou outro componente, o costume de tomar chás para dormir e acalmar é antigo e engloba receitas que passaram de geração em geração. Ótimas para noites de insônia, as clássicas receitas reduzem ansiedade e agitação, especialmente se forem potencializadas com outros ingredientes.
A seguir, veja quatro opções saudáveis e potentes contra a falta de sono:

Funcionam?

Segundo a nutricionista Aline Quissak, especialista em oncologia, síndrome metabólica, psicologia da nutrição e nutrição esportiva, grande parte dos casos de insônia resulta de ansiedade, preocupação, inquietação, medo ou insegurança, o que faz com que o corpo e a mente fiquem em estado de alerta e muito tensionados.
Assim, as propriedades terapêuticas de determinados chás contra insônia influenciam positivamente ao acalmar e relaxar o indivíduo, facilitando a produção do hormônio do sono, a melatonina.

Receitas de chás para insônia

Chá de camomila com maracujá e óleo essencial de laranja

A camomila é uma erva reconhecida pela ação calmante. Unida ao maracujá e à laranja, ela age como relaxante muscular, alivia desconfortos gástricos resultantes da ansiedade e aumenta os efeitos dos neurotransmissores responsáveis pela sensação de bem-estar.

Melissa com mulungu e propólis

A mistura entre melissa, mulungu e própolis alcoólico a 11% promove o relaxamento dos músculos do coração, de modo a reduzir os batimentos cardíacos. Ainda por cima, ele regula os neurotransmissores que controlam a angústia e irritabilidade.
Anote os ingredientes: 250 ml de água quente, 1 sachê ou 1 colher de chá de folhas secas de melissa e mulungu e 10 gotas de própolis alcoólico a 11%.

Chá de erva-doce com melissa, castanhas e mel

O chá de melissa com erva doce, castanhas-do-pará e mel puro fornece conforto ao sistema gástrico, que pode estar abalado pela ansiedade, e ainda auxilia a produção de melatonina.
A preparação é simples e consiste em esquentar 250 ml de água e despejá-la em 1 colher de chá de folhas secas de melissa e erva doce. Deixe apurar e acrescente 4 castanhas moídas e 1 colher de chá de mel.

Chá para insônia em grávidas: Camomila e maracujá

A especialista explica que gestantes podem preparar chá de camomila com maracujá para aliviar a insônia, em grande parte causada pela ansiedade da chegada do bebê e pelo desconforto de encontrar uma posição com o tamanho avantajado da barriga.
No entanto, antes de se automedicarem ou usarem receitas naturais, as gestantes devem buscar auxílio do obstetra responsável, que avaliará as causas da insônia, ou seja, se é normal ou fruto de alguma alteração mais importante.
Os ingredientes são 250 ml de água quente e 1 colher de chá de ervas secas de camomila e maracujá.

Como fazer chás para insônia: Erros prejudicam propriedades

Para evitar erros na hora de preparar o chá e reduzir suas propriedades, não deixe a água levantar fervura. Após isso, desligue o fogo e a despeje sobre as ervas escolhidas somente depois. Tampe o recipiente e deixe apurar por 6 a 8 minutos. Em seguida, acrescente os demais ingredientes, como própolis, mel ou castanhas.

Como tomar?

É necessário consumir a infusão escolhida por ao menos três dias para que os efeitos desejados sejam obtidos. “Nas primeiras 72 horas o corpo ainda está balanceando os hormônios e só após isso os chás para insônia passam a fazer efeito”, explica a nutricionista, a qual ressalta que deixar de tomar faz com que a insônia retorne.
O ideal é ingerir os compostos 40 minutos antes de se deitar, ao mesmo tempo em que aposta em dicas para acabar com o problema do sono, como desligar eletrônicos, evitar alimentos estimulantes e cuidar do conforto e iluminação.

Chás que tiram o sono: Quais devem ser evitados?

Chá mate, verde, branco e preto devem ser deixados de lado por quem possui insônia, visto que estimulam o estado de alerta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário