quinta-feira, 8 de junho de 2017

Médico se recusa a atender paciente e vai parar na delegacia em Itamarajú

O DEFENSOR
Um médico foi conduzido até a delegacia na última terça-feira, dia 6, após se recusar a realizar atendimento a uma paciente no pronto socorro do hospital municipal de Itamaraju.
De acordo com informações da Polícia Militar, uma equipe da 43ª CIPM, recebeu uma denúncia que um médico se recusou a atender uma paciente e a expulsou de dentro da unidade de saúde.
Em depoimento na delegacia de Polícia Civil, a paciente informou que chegou ao hospital passando mal e o medico de plantão no pronto socorro se negou a realizar o atendimento e a orientou a procurar um Posto de Saúde da Família (PSF).
Indignada com a situação teve início a uma acalorada discussão entre médico e paciente. Com os ânimos exaltados, uma guarnição da PM teve que ser acionada. O médico e a paciente foram conduzidos para delegacia para prestarem esclarecimentos.
Questionado sobre o assunto, o secretário de saúde do município informou que vai apuar o caso e tomar providências para situações como essas não voltem a ocorrer. O médico está sendo acusado de prevaricação, quando um servidor público se nega a realizar o atendimento ao qual ele é designado, e poderá ser afastado de suas funções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário