terça-feira, 13 de junho de 2017

Eduardo Cunha depõe em inquérito contra Temer nesta quarta-feira



Por Redação BNews | Fotos: Reprodução // Google
A Polícia Federal marcou para esta quarta-feira (14), às 11h, o depoimento do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) no inquérito que investiga o presidente Michel Temer (PMDB) pelos crimes de corrupção, obstrução à Justiça e organização criminosa.
A defesa do ex-deputado pede o adiamento do depoimento com o argumento de que os advogados não tiveram ainda acesso ao inteiro teor do processo. A defesa de Cunha diz que o STF determina um mínimo de 48h entre o acesso ao material e o depoimento. A investigação contra Temer foi aberta pelo ministro do STF Edson Fachin com base na delação premiada do empresário Joesley Batista, um dos donos do grupo JBS.
A Procuradoria-Geral da República (PGR), que pediu a abertura da investigação, afirma que o diálogo mostra que Temer teria dado autorização para que Joesley comprasse o silêncio de Eduardo Cunha, para que o ex-deputado não fechasse um acordo de delação premiada.
Cunha foi condenado a 15 anos de prisão pelo juiz Sérgio Moro por participação no esquema de corrupção da Petrobras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário