quinta-feira, 22 de junho de 2017

Asma infantil: fique atento aos sintomas

Doença ocorre por conta de uma inflamação nas vias respiratórias


Segundo o Ministério da Saúde, 40 milhões de pessoas em todo Brasil possuem algum sintoma relacionado à asma, como falta de ar e tosse seca.
Presume-se que 10 milhões jamais foram diagnosticadas com a doença e nunca receberam tratamento adequado. Os números são bem alarmantes: 100 mil internações por ano e uma base de três mortes por dia.
E quando se trata de crianças é necessária uma atenção redobrada.
De acordo com a Dra. Danielle Negri, pediatra da Perinatal, é possível diagnosticar se seu filho tem asma a partir dos três anos de idade
De acordo com a Dra. Danielle Negri, pediatra da Perinatal, é possível diagnosticar se seu filho tem asma a partir dos três anos de idade
De acordo com a Dra. Danielle Negri, pediatra da Perinatal, é possível diagnosticar se seu filho tem asma a partir dos três anos de idade. “Respiração rápida, tosse seca e sibilos expiratórios, ou seja, o famoso chiado de bronquite, podem ser sintomas de uma possível asma infantil”, relata Dra. Danielle.
A asma ocorre por conta de uma inflamação nas vias respiratórias e, se de fato a doença for diagnosticada no seu filho, será fundamental fazer algumas mudanças no local onde ele dorme e/ou passa a maior parte do tempo.
É necessário que o ambiente esteja sempre limpo e que qualquer objeto que possa acumular poeira, seja retirado. “Crianças com asma devem ficar longe de locais com muitas cortinas e tapetes. Os bichinhos de pelúcia também devem ser evitados”, recomenda a pediatra.
A natação pode ser uma excelente aliada, principalmente no caso de crianças
A natação pode ser uma excelente aliada, principalmente no caso de crianças
A respeito do tratamento, a prevenção e controle são essenciais para manter as crises distantes dos pequenos. “É muito importante que ao perceber a falta de ar, a tosse seca e o chiado no peito, os pais levem a criança ao pediatra. Quanto mais rápido for feito o diagnóstico, maiores serão as chances de prevenir uma crise”, conta Dra. Danielle.
Segundo a pediatra, a natação pode ser uma excelente aliada, principalmente no caso de crianças. “A natação dispõe de muitos benefícios e um deles é o fortalecimento da musculatura respiratória”, finaliza a pediatra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário