quarta-feira, 7 de junho de 2017

Após se complicar, advogado de Lula acusa Moro de "espionagem"



Por Redação BNews
Após ter sua situação complicada ao afirmar que não teve acesso aos vídeos da delação de Emílio Odebrecht e Alexandrino Alencar - foi possível verificar o acesso por meio do sistema eletrônico, o advogado de Lula quer que Sérgio Moro tenha a sua conduta analisada.
De acordo com O Antagonista, Cristiano Zanin foi enfático ao afirmar: “O ato, além de inútil, pois, como já exposto, não indica intimação ou ciência nos termos da lei, demonstra uma reprovável espionagem de atos realizados por advogados e escritórios de advocacia", afirma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário