quinta-feira, 18 de maio de 2017

STF autoriza abertura de inquérito contra presidente do Senado


A relação entre o pedido e as informações da JBS vazadas pelo jornal O Globo não foi confirmada; este é o segundo procedimento investigatório contra Eunício de Oliveira

BAHIA.BA
Senador Eunício Oliveira (PMDB-CE)/Foto: Agência Senado
Senador Eunício Oliveira (PMDB-CE)/Foto: Agência Senado

O ministro Edson Fachin autorizou, na tarde desta quinta-feira (18), a abertura de um novo inquérito contra o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), no âmbito da Lava Jato. O Supremo Tribunal Federal (STF) também já permitiu o início investigação contra o presidente Michel Temer (PMDB).
Fachin autorizou, ainda, o fim do sigilo do líder do Senado, que passará pelo segundo procedimento investigatório. A relação entre o pedido e as informações da JBS vazadas pelo jornal O Globo não foi esclarecida.
“A manifestação do órgão acusador revela que não mais subsistem, sob a ótica do sucesso da investigação, razões que determinem a manutenção do regime restritivo da publicidade, também não se constatando qualquer razão que assim determine em favor do requerido”, afirmou Fachin, na decisão.
O processo deu entrada no STF em outubro de 2016 como uma petição e tramitava de forma sigilosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário