quinta-feira, 18 de maio de 2017

PPS anuncia saída do governo, mas mantém Ministério da Defesa


Mais cedo o PTN havia anunciado a saída da base. Juntas, as duas siglas reúnem apenas 21 deputados

BAHIA.BA
Raul Jungmann/Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Raul Jungmann/Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O PPS anunciou a saída do governo Temer, em nota divulgada à imprensa na noite desta quinta (18), assinada pelo presidente do partido, Davi Zaia.
Como adiantado, o partido renunciou a pasta da Cultura, ocupada até então por Roberto Freire, porém, decidiu por manter o ministro da Defesa, Raul Jungmann, “pel relevância de sua área de atuação de segurança do Estado brasileiro neste momento de crise e indefinições”.
Mais cedo o PTN havia anunciado a saída da base. Juntas, as duas siglas reúnem apenas 21 deputados (de um total de 513 na Câmara).
Já as bancadas do PMDB, PR e PTB divulgaram notas reafirmando apoio a Temer. O PSDB, que é o principal aliado do governo, discute internamente o que fazer, mas por enquanto mantém o apoio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário